Os farmacêuticos que comandam a atuação em farmácia clínica no Brasil

Farmacêutica há 8 anos, Leiliane Saraiva é atuante no trabalho de atenção ao paciente e acompanhamento em saúde. O cotidiano de trabalho dela não se restringe a ler a prescrição médica. Durante todo o horário de expediente, Leiliane aplica os serviços farmacêuticos como: medição de hipertensão, diabetes, revisão de medicamento, além de medidas de prevenção ao tabagismo e acompanhamento de pacientes com asma e obesidade. “Terminei minha pós-graduação em farmacologia clínica e farmácia clínica, o que me auxiliou no meu trabalho, além de aplicar o que aprendi diariamente com nossos clientes”, conta a aluna a primeira turma da Especialização da Cathedral/IBRAS, que aconteceu em Salvador/BA.

A realidade de Leiliane já não é uma exceção. Desde a Lei nº 13.021/2014, farmacêuticos estão trabalhando com os serviços farmacêuticos. A revolução da profissão vem acompanhada de mais trabalho e necessidade de capacitação profissional. A Resolução do CFF nº 585 de 29 de agosto de 2013, que regulamenta as atribuições clínicas do farmacêutico, justifica a expansão da profissão pelas demandas da própria sociedade, como: transição demográfica e epidemiológica, crescente morbimortalidade relativa à doenças e a  evolução da farmacopeia nos serviços de saúde pública.

O crescimento reflete no trabalho de farmacêuticos como a Leiliane e também nas grandes redes de farmácia. A Rede Pague Menos, por exemplo, é a única rede presente em todos os estados brasileiros. Com cerca de 23 mil colaboradores e 1000 lojas, a rede é pioneira em serviços de atenção farmacêutica no Brasil. O modelo de assistência iniciou pelo atendimento 24h no SAC da instituição, através do 08002751313, onde o paciente pode tirar dúvidas a respeito do seu tratamento.

Atualmente, a Rede conta com o CLINIC FARMA, um modelo inovador de assistência farmacêutica, o qual segue as recomendações Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) e da Organização Mundial da Saúde (OMS) quanto ao uso correto dos medicamentos e a contribuição para a saúde pública. O atendimento é realizado em uma sala privativa e está aberto ao público. A empresa conta com o diferencial de 750 salas do Clinic Farma em todo o pais.

“O Clinic Farma é o nosso grande diferencial de atendimento e a oportunidade de mudarmos a saúde publica do Brasil através desse cuidado com a saúde de nossos clientes. São salas de acompanhamento farmacoterapêutico e com serviços, como verificação de PA, glicemia capilar, bioimpedância, acompanhamento de diabetes, hipertensão, asma, perda de peso, parar de fumar, autocuidado e revisão da medicação”, afirma Cristiane Feijó, coordenadora farmacêutica da Rede.

Uma das maneiras de grandes redes ampliarem seu alcance com serviços é investir em capacitação de seus profissionais. A Rede Pague Menos possui 3 turmas in company para a Pós-Graduação em Farmácia Clínica e Serviços Farmacêuticos, em parceria com o IBras, Abrafarma e Faculdade Cathedral. São cerca de 100 profissionais com o diferencial de ter uma especialização que prepara para a nova era dos serviços em saúde. “Os farmacêuticos estão conseguindo praticar os ensinamentos e realmente reconhecem o diferencial desse curso. A formatação prática voltada para a realidade da farmácia “comunitária”, aprendizado leve com metodologia que facilita o raciocínio e professores comprometidos e que possuem bagagem pratica”, completa Feijó.

Serviços de vacinação em farmácias

Outro exemplo de investimento em profissionais é aderir ao novo serviço autorizado pela Anvisa e regulamentado pelo CFF. Trata-se do serviço de vacinação em farmácias  e Drogarias.

A Rede de Farmácias Agafarma está implantando o serviço desde o início do ano. Para implementar o serviço, a empresa capacitou 70 dos seus profissionais no Rio Grande do Sul, através do “Capacita + Agafarma” e o curso oferecido pela Faculdade Cathedral em parceria com o IBras. “O serviço de vacinação com certeza irá agregar muito a farmácia comunitária e consequentemente o reconhecimento do profissional farmacêutico. Conhecedora das dificuldades para atender a legislação em relação à infraestrutura, a rede aposta na qualidade dos serviços prestados e na capacitação de seus farmacêuticos  para atender  seus clientes no mínimo em 10% de suas lojas. Queremos qualidade e não quantidade nos serviços ofertados”, explica a diretora da Rede, Janete de Matos.

A Raia Drogasil, maior rede de farmácias do país, além das Farmácias São João, primeira rede a investir em capacitação de seus profissionais para a vacinação, também confiaram no IBRAS para comandar os serviços farmacêuticos nos locais onde estão inseridos.

Os profissionais e empresas interessadas em revolucionar a carreira e entrar para nova era dos serviços farmacêuticos podem contar com IBRAS para administrar os seus cursos: https://ibras.com.br/


Warning: sprintf(): Too few arguments in /home/admin/web/blogibras.com.br/public_html/wp-includes/link-template.php on line 2609

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *